Ads 468x60px

Corujão!

Não, não estamos falando da sessão noturna de filmes da Globo – Em Maceió este nome tem outro significado e é de extrema importância para quem trabalha até tarde, vai a algum evento noturno ou simplesmente perdeu o último ônibus de linha “normal” e ficou rodando na rua sem ter como voltar para casa.
 
Corujões são conhecidos na cidade as linhas que rodam durante a madrugada ligando todos os pontos da cidade através de itinerários especiais e se valendo da logística de todas as outras linhas urbanas que rodam pelo dia. No passado todas essas linhas tinham como terminal final a conhecida Praça da Faculdade, no centro da capital, porém por falta de segurança no local todos os corujões foram transferidos para o Terminal Rodoviário João Paulo II, no bairro do Feitosa, proporcionando mais segurança para rodoviários e passageiros.
 
A maior linha da cidade é inclusive um corujão, trata-se da 796 – Benedito Bentes / Ponta Verde via Eustáquio Gomes com incríveis 98,7 km – Para se ter uma ideia, essa é quase a distância que liga Maceió a Arapiraca, no agreste alagoano. Esta linha sai do terminal rodoviário e passa por pontos importantes da capital como estádio Rei Pelé, Centro, Pajuçara, Ponta Verde, Maceió Shopping, entra em todos os conjuntos do Benedito Bentes e vai até o limite do município com a cidade de Rio Largo.
 
De fundamental importância para o desenvolvimento da cidade no período noturno, os corujões atendem uma parcela diferenciada da população que trabalha principalmente no setor de entretenimento como bares, restaurantes, casas noturnas e atendendo os principais eventos da cidade como shows e jogos de futebol.
 
Os atuais corujões da cidade são:
 
097 – Village II/Centro via Salvador Lyra
197 – Ipioca/Centro via Iguatemi
599 – Cruz das Almas/Feitosa via Sanatório
796 – Benedito Bentes/Ponta Verde via Eust. Gomes
797 – Joaquim Leão/Ponta Verde via Centro
798 – Fernão Velho/Ponta Verde via Peixoto
 
Clique na imagem para ampliá-la
 
 
Fotos (Allbus): Gustavo Alfredo e Rodrigo Fonseca
Matéria: Gustavo Alfredo (Allbus)
 

SEGUIDORES